quarta-feira, 9 de abril de 2014

A Magia dos Elfos


                                  A magia dos Elfos

O elfo é um espírito da mitologia nórdica e muito mais.


Os elfos são símbolos da força do ar, fogo, terra, água e fenômenos atmosféricos em geral.


Eles são espíritos de aparência como seres humanos, alto e magro, mas forte e rápido, cara limpa e clara, orelhas levemente pontudas.

São descritos com uma grande visão e uma audição muito sensível.

Eles não têm barba, têm cabelos principalmente loiro e olhos azuis que penetram nas pessoas e vêm seus pensamentos com telepatia.
Eles têm a voz bonita e limpa.

São inteligentes e harmoniosos, com grande respeito pelos quatro elementos da natureza.

Alguns podem ser temperamentais, por vezes, benevolente e, por vezes com o homem que respeita-los, podem ser puros de coração e espírito e desejar ajudar.

Eles sabem como forjar espadas e metal, por conhecimento da magia.

Originalmente companheiros e graciosos foram concebidos e eram adorados como a força da fertilidade.

Eles vivem principalmente em árvores e escondidos em algumas florestas.

Nunca danifica alguma maneira, porque a natureza é parte de sua vida básica e da sua existência.

A consideração por natureza como uma entidade de grande espírito de éter, a mãe de todos os seres elementais.

Eles podem andar sem deixar rastros, auto-imunes e nunca adoecem, são resistentes a temperaturas extremas.

Os elfos têm uma longa vida sem a sua beleza envelhecer pelo tempo.

Dizem ser imortal, exceto quando ele está em guerra.

Existem muitas lendas associadas a esta figura mitológica, algumas das quais falam sobre as coisas ruins que eles fazem com os homens e o rapto de crianças humanas.

Os elfos têm uma hierarquia forte onde são as rainhas e reis dos montes das fadas, que muitas vezes é coberto por um cobertor de pilriteiro fresco.

São seres de postura e realeza dentro da natureza, e respeitam a vida da Mãe Natureza.

quinta-feira, 6 de março de 2014

Sejamos leves ...


Nada, nesta vida, é nosso, a não ser a alma que carregamos e o peso que nela colocamos.

 Sejamos leves.... 

Não coloquemos em nossos ombros o que não é nosso, pois nos trará a dor de não entendermos e de não conseguirmos carregar. 

Devemos dar valor para o que Deus nos traz. 

Acolher e agradecer. 

A vida é gratidão e paz. 

É neste berço que o amor permanece. 

Separemos as sementes de 2013. Deixemos as que não frutificam...Vêem?

 São sementes mortas. Guardemos as sementes que germinam e plantemo-nas em 2014.

 Assim, aprenderemos a escolher as sementes. 

Aprenderemos a viver serenamente.

(autor desconhecido )